Blog

Cartão de crédito.

14 Maio 20

Crédito Educação Financeira

Cartão de crédito sem mistério: benefícios, custos e dicas para usar do jeito certo.

O cartão de crédito é um produto com muitos benefícios. Mas, como acontece com a maioria dos produtos de crédito, existem muitas opções de cartões e várias condições oferecidas no mercado. 

E neste período de isolamento social por conta da pandemia de coronavírus, quando as compras virtuais e o delivery estão sendo incentivadas, os cartões podem ser uma ferramenta importante. 

Um estudo realizado, em abril, pela empresa de cartões Elo, mostra que apesar da queda no volume de compras com cartões em alguns setores como bares e vestuário, houve um aumento nas vendas com débito e crédito em supermercados e farmácias. O que demonstra que, neste momento, as pessoas estão dando preferência para gastos com itens de primeira necessidade. 

Quais os benefícios de um cartão de crédito? 

Os cartões de crédito são produtos muito utilizados por consumidores de várias faixas etárias e diferentes classes sociais por oferecem uma série de vantagens como a possibilidade de comprar itens mais caros parcelados, pagar várias compras apenas no vencimento da fatura, compras virtuais e em apps de delivery de alimentos e outros produtos, descontos em estabelecimentos. Além, é claro, dos programas de pontos e milhagens que vários deles oferecem, revertendo os gastos em benefícios como viagens e produtos

Existe também o quesito segurança. Andar com cartão de crédito pode ser mais seguro que sair por aí com dinheiro vivo e caso precise. É possível fazer saques em dinheiro em bancos e caixas eletrônicos. Os cartões tem seguro antifraude e contra perda e roubo, sendo possível questionar gastos não reconhecidos diretamente com a operadora do cartão. 

E para quem gosta de ter controle sobre as finanças, todas as compras vem detalhadas na fatura. Hoje em dia, é possível acompanhar todas as compras em tempo real via app e SMS que notificam, via celular, cada novo gasto. Dessa forma é possível saber quanto já gastou e planejar compras futuras. 

Quanto custa um cartão de crédito? 

Já conhecemos os benefícios dos cartões de crédito, mas e os custos?

Muitas instituições vendem seus cartões como “grátis”, e apesar de permitir parcelamentos sem juros, a maioria das operadoras cobram anuidades, que são taxas de serviço pelo uso do crédito.

É importante verificar o valor dessas taxas e as datas em que serão cobradas na fatura. Algumas empresas oferecem descontos e até isenção na cobrança das anuidades, outras atrelam a este valor a um pacote maior de benefícios e vantagens em seus programas milhagem. Pesquise sempre! 

Entrei no rotativo, e agora?

É muito bom ter um cartão de crédito, poder comprar tudo que precisa, parcelar, pagar só quando receber e ainda garantir vários outros benefícios, certo? 

Mas também é indispensável ter cuidado e evitar gastar mais do que pode pagar. Quando uma fatura de cartão de crédito não pode ser paga integralmente o cliente entra no rotativo,  que nada mais é que um empréstimo oferecido pela instituição, que cobra uma taxa de juros por esse tempo extra para pagar o valor devido. 

O problema é que os juros cobrados nesta modalidade são bem altos, podendo chegar a 300% ao ano, o que acaba favorecendo o endividamento.

Antes de optar por pagar apenas parte da fatura, conheça as taxas de juros que serão cobradas por mês e por ano. 

De acordo com a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), divulgada em abril, pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o endividamento das famílias brasileiras chegou a 66,7% este ano, sendo 77,6% dívidas em cartões de crédito. 

Como evitar perder o controle dos gastos nos cartões? 

Então, antes de sair por aí gastando nos cartões, separamos algumas dicas para você usar os cartões de uma forma mais saudável e manter as contas no azul: 

  • Busque a opção mais barata de crédito. Informe-se sobre valores de anuidades e taxas cobradas caso precise entrar no rotativo ou parcelar a sua fatura; 
  • Avalie os benefícios. Pontos, milhas, descontos em estabelecimentos, seguros e assistências oferecidas;
  • Entenda suas finanças. Coloque todos as suas despesas, fixas e variáveis, na ponta do lápis. Saiba quanto você pode gastar sem comprometer seu orçamento; 
  • Dentro do seu orçamento, concentre seus gastos diários no cartão de crédito para usufruir dos benefícios que ele proporciona. 

Seguindo essas dicas, você vai poder aproveitar todos os benefícios dos cartões de créditos sem medo. Gastar apenas o que pode pagar é a regra número um para manter a saúde financeira. 

Existem opções mais baratas? 

Se o seu maior medo são as faturas atrasadas ou pagas parcialmente virarem uma “bola de neve” e levarem você ao endividamento? Saiba que existe uma modalidade de crédito que oferece condições mais saudáveis: o cartão de crédito com garantia de imóvel. 

Nesta modalidade, é aberta uma linha de crédito utilizando um imóvel como garantia. Essa transação pode liberar até 60% do valor do imóvel em recursos. E você escolhe se quer em dinheiro ou como limite no seu cartão de crédito.

As taxas para a parte tomada em dinheiro variam a partir de 0,99% ao mês. Já o valor disponibilizado em forma de limite no cartão de crédito não é cobrada, você só paga o que utilizar em compras e saques no vencimento da fatura.

Caso precise parcelar essa fatura, as condições são muito melhores que as oferecidas nos cartões comuns: juros a partir de 1,99% ao mês e possibilidade de parcelar em até 60 meses. 

O limite mais alto, as condições de parcelamento e as taxas menores podem te ajudar a comprar itens mais caros de forma parcelada e evitar comprometer seu orçamento mensal. 

Quer saber mais sobre esse produto? Clique aqui e conheça o Baricard

Este post foi escrito em parceria com a Drimgo, uma plataforma que tem a missão de ajudar as pessoas a melhor planejar e realizar seus sonhos por meio da educação financeira. 

Gostou do conteúdo? Então acompanhe as postagens aqui no Blog e também as nossas redes sociais.

Recomendações

Comentários

Mais posts

Um passo de cada vez: anote seus gastos diários.

Anotar seus gastos diários é uma das formas de estabelecer o controle de suas despesas e descobrir qual é sua […]

Ler mais

O que é LTV? Entenda como é determinado o valor do seu empréstimo.

Tanto na contratação de um Empréstimo com Garantia de Imóvel como em Financiamentos Imobiliários você irá se deparar com os […]

Ler mais
IPCA

Glossário Financeiro – O que é IPCA?

A gente se acostuma a ver várias siglas e termos que impactam nossa vida financeira: são índices, indicadores, taxas, impostos, […]

Ler mais

Atenção!

O Banco Bari alerta que não exige depósito prévio a título de fiança, seguro ou taxa de cadastro para concessão de empréstimos aos seus clientes.

Em cumprimento à Circular 3.991 do Banco Central de 19/3/2020 e seguindo as diretivas preventivas incentivadas pelas autoridades durante a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), informamos aos nossos clientes que o atendimento público presencial estará suspenso por tempo indeterminado.

Durante esse período, pedimos aos nossos clientes que utilizem nossos canais digitais de atendimento:
Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC)
4007-2888 (capitais e regiões metropolitanas)
0800-007-1777 (demais localidades)
41 98775-7044 (whatsapp)
contato@bancobari.com.br