O Banco

Para você

Para sua empresa

Blog

Empréstimo
/ home equity

Crédito com garantia de imóvel para você usar como quiser.

Saiba mais
2ª via do boleto

Serviços ao mercado financeiro

Saiba mais
Sobre os produtos

Financiamento para reforma: o que é e quando vale a pena fazer

22 MAR 22
COMPARTILHE

O financiamento para reforma é muito útil para adquirir verba sem recorrer ao tradicional empréstimo ou se enforcar em dividas no cartão de crédito ou cheque especial. 

Está precisando realizar obras no seu imóvel, mas os preços com material de construção não estão te ajudando a custear a reforma? O financiamento para reforma pode ser uma solução economicamente viável para a sua necessidade.

Neste artigo, vamos explicar tudo sobre essa modalidade de financiamento. Continue lendo!

O que é o financiamento para reforma?

Geralmente oferecido por instituições financeiras, o financiamento para reforma fornece valores para o auxílio com gastos inerentes às obras. 

Para conseguir esse financiamento, será necessário comprovar o vínculo com a propriedade em questão ou que o proprietário concorde, entrando como devedor solidário nessa transação, que é possível tanto para pessoas físicas quanto para pessoas jurídicas.

Como funciona?

Dependendo do tipo de financiamento, os gastos podem ser limitados somente para materiais de construção e decoração, como é o caso de créditos para reforma com esse fim determinado em contrato. Já em outras modalidades, como o home equity ou empréstimo com garantia de imóvel, o dinheiro pode ser utilizado livremente pelo cliente. Vamos entender um pouco melhor como funciona cada uma dessas modalidades a seguir.

Quais os tipos de financiamento para reforma e qual escolher?

ilustração de uma casa, de um lado precisando de reparos e do outro já reformada

Os principais tipos de financiamento para reforma no mercado são os créditos para reforma e o home equity

Os créditos para reforma são valores geralmente disponibilizados em cartões, e seu uso é liberado somente para a compra de materiais de construção. Algumas instituições ainda determinam seu uso apenas em lojas conveniadas ou parceiras. 

Já no home equity, a disponibilização de créditos é estipulado a partir do valor da casa do contratante, já que esse tipo de financiamento para reformas utiliza a propriedade do cliente como garantia de pagamento. A principal vantagem disso é o valor do crédito disponibilizado. Supondo que sua casa tenha o valor de R$ 300 mil, caso adquira cobertura de 60% do valor, como é o caso na linha flexível do Banco Bari, você receberá R$180 mil de créditos.

Como os níveis de inadimplência são menores nessa modalidade de financiamento, as parcelas se tornam bem mais flexíveis. Divididas em 180 vezes em média, o crédito fica disponível para uso do cliente por até 5 anos.

Um diferencial em relação à linha de crédito é que o valor emprestado ao cliente poderá ser usado como ele bem entender em toda a reforma, inclusive para pagar mão de obra e outros gastos. 

Vantagens do financiamento para reforma

Para começar, as taxas de juros cobradas em financiamentos de reforma, assim como suas parcelas, costumam ser bem mais suaves se compararmos com um empréstimo tradicional. Em média, os juros aplicados variam entre 0.89% a 3%;

Além disso, os financiamentos de reforma trabalham com o chamado valor de cobertura, levando em conta o valor total do imóvel, que em alguns casos, pode chegar a até 100%. Ou seja, os valores disponibilizados aqui são bem mais altos do que qualquer outro tipo de modalidade de empréstimo oferecido no mercado, o que auxilia muito no pagamento de insumos para obras. Isso é uma grande vantagem, já que a aquisição de materiais de construção costuma sair a valores elevados.

Desvantagens

Como tudo o que tem juros e parcelamento, uma das desvantagens é o acúmulo de dívidas, principalmente se não houver um planejamento anterior. Em alguns casos, as taxas, apesar de mais baixas que outras opções, ainda podem pesar nas economias. 

Quando vale a pena o financiamento para reforma?

Os financiamentos para reformas são mais recomendados para obras de maior urgência. Ainda que as parcelas possam ser flexíveis e as taxas de juros baixas, é um comprometimento de pagamento que, se não for bem controlado, pode prejudicar o seu orçamento familiar.

Assim, solicitar o financiamento para reformas para obras planejadas pode ser desnecessário se você tem recursos, como uma reserva, por exemplo. 
 

Qual o melhor financiamento para reforma?

A linha de crédito com garantia de imóvel do Bari pode ser a solução que você procura para a sua reforma. Com ela, você usa o seu imóvel como garantia e recebe o empréstimo em dinheiro ou em cartão de crédito, o Baricard Imobiliário. A partir da contratação dos serviços, você tem acesso ao valor acordado para usar como quiser por até 5 anos.

Confira as principais vantagens da linha de crédito com garantia de imóvel do Bari:

  • Pioneiros nessa modalidade no Brasil;
  • Um dos melhores refinanciamentos para reformas do mercado;
  • Gaste o valor como bem entender;
  • Faturas do cartão de crédito imobiliário podem ser divididas em até 60 vezes;
  • Parcelas de 180 vezes;
  • Comece a pagar o financiamento após 180 dias.

Conheça mais sobre a linha de crédito do Banco Bari!

Veja também

Este site usa cookies e outras tecnologias que ajudam a personalizar o conteúdo de acordo com nossaPolitica de Privacidade. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.