O Banco

Para você

Para sua empresa

Blog

Empréstimo
/ home equity

Crédito com garantia de imóvel para você usar como quiser.

Saiba mais
2ª via do boleto

Serviços ao mercado financeiro

Saiba mais
Investimentos

Selic em alta: onde investir agora?

04 NOV 21
COMPARTILHE

Descubra quais as melhores aplicações para investir com a taxa básica de juros brasileira a 7,75% ao ano e expectativa de novas altas

 

O preocupante cenário econômico, principalmente com o avanço da inflação medida pelo IPCA acima do esperado, levou a uma definição mais agressiva na última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), no dia 27/10, que elevou a Selic em 1,5 ponto percentual, sendo essa a quinta alta consecutiva da taxa básica de juros brasileira. 

Com a Selic a 7,75% ao ano e expectativa de nova alta de 1,5% para a próxima reunião, o comitê confirma o cenário de contração econômica. De acordo com estimativas do Relatório Focus do Banco Central, a taxa básica deve encerrar 2021 em 8,75% ao ano. Para 2022, as projeções dos analistas apontam para juros de 9,50% ao ano.

Tudo isso leva a um maior aperto monetário e de pressões inflacionárias que só devem começar a amenizar no próximo ano e motiva que investidores apostem na renda fixa, principalmente aplicações pós-fixadas e atreladas à inflação. Conheça alguns títulos de renda fixa para diferentes perfis de investidor que podem ser ideais para o cenário econômico atual. 

 

CDBs IPCA+

Os Certificados de Depósito Bancário atrelados à inflação são títulos com remuneração chamada híbrida, sendo parte dela prefixada e parte pós-fixada e indexada ao IPCA. Isso significa que além de contar com uma porcentagem do valor aplicado, a sua rentabilidade ainda será corrigida de acordo com a inflação do período em que o dinheiro permanecer investido. 

No Banco Bari é possível investir em CDBs atrelados ao IPCA com rentabilidade de 5,2% ao ano, vencimento para 2 e 3 anos, aplicação mínima de R$ 50 e cobertura do Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

 

LCIs IPCA+ 

As Letras de Crédito Imobiliário atreladas a inflação também são títulos com rentabilidade híbrida e com a parte pós-fixada indexada ao IPCA. A vantagem é que além de garantir uma remuneração fixa mais a correção inflacionária, as LCIs são isentas de Imposto de Renda. 

As LCIS IPCA do Banco Bari oferecem remuneração de 4,25% ao ano + IPCA e vencimento em 3 anos ou 4,5% ao ano + IPCA e vencimento em 4 anos. O investimento mínimo para esses produtos é de R$ 50, e eles também são cobertos pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

 

Ilustração mostra um homem vestindo terno e gravata azul e blusa branca, segurando uma maleta em uma mão e olhando em uma luneta em cima de 4 moedas empilhadas e cercado por gráficos.

 

Investimentos atrelados ao CDI 

Antes de falarmos sobre os títulos atrelados ao CDI é preciso entender como esse indexador funciona. O Certificado de Depósito Interbancário (CDI) segue as tendências da taxa básica de juros, Selic. A razão disso é porque tanto CDI quanto Selic servem de indexador para títulos que concorrem entre si e competem pelo dinheiro dos bancos. Atualmente, com a Selic a 7,75% ao ano, o CDI está cotado a 7,65% ao ano. 

Com a Selic a 7,75% ao ano e com forte tendência de alta nas próximas reuniões do Copom, os investimentos de renda fixa atrelados tanto a Selic (títulos públicos) quanto ao CDI (títulos privados) tornam-se ainda mais atrativos, já que esses títulos oferecem como remuneração uma porcentagem dessas taxas. 

No Banco Bari, você encontra CDB e LCIs pós-fixadas e com remunerações atreladas ao CDI. Confira a tabela com as condições: 
 

ProdutoRentabilidadeVencimentoInvestimento mínimoLiquidez
CDB liquidez110% do CDI5 anosR$ 50Diária
CDB Flex120% do CDI2 anosR$ 50Após 6 meses
CDB 1 ano125% do CDI1 anoR$ 50No vencimento
CDB 2 anos130% do CDI2 anosR$ 50No vencimento
LCI 3 meses115% do CDI3 mesesR$ 50No vencimento
LCI 1 ano108% do CDI1 anoR$ 50No vencimento
LCI 2 anos110% do CDI2 anosR$ 50No vencimento
LCI 3 anos112% do CDI3 anosR$ 50No vencimento
LCI 6 meses105% do CDI6 mesesR$ 50No vencimento

 

CRIs 

Os Certificados de Recebíveis Imobiliários ou CRIs são títulos de renda fixa emitidos por instituições securitizadoras e funcionam como um instrumento de captação de recursos destinados a financiar as transações do mercado imobiliário. 

Essa modalidade tem regras pré-definidas de remuneração e por financiarem projetos mais longos, em geral, são investimentos de médio e longo prazo, isentos de Imposto de Renda para investidor pessoa física e costumam contabilizar os rendimentos de forma semestral e ou anual.  

Os CRIs não são cobertos pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC), logo, o risco para quem compra esse tipo de título é o chamado risco de crédito. 

O Banco Bari disponibiliza CRIs emitidos pela Bari Securitizadora com remuneração híbrida de 5,25% ao ano e corrigida pelo IPCA. Como esse tipo de aplicação é voltado para investidores mais arrojados, o investimento mínimo é de R$ 1 mil e o vencimento em 17 anos. 

Que tal começar a proteger seu patrimônio dessas oscilações econômicas diversificando a sua carteira de investimentos de renda fixa. Abra a sua Multiconta no Banco Bari e acesse as melhores ferramentas de organização financeira e plataforma completa de investimentos. 

Veja também

Este site usa cookies e outras tecnologias que ajudam a personalizar o conteúdo de acordo com nossaPolitica de Privacidade. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.